Gerenciamento de manutenção de equipamentos hospitalares

gerenciamento de manutenção de equipamentos hospitalares
4 minutos para ler

Qualquer empresa precisa de bons cuidados de conservação das instalações e da infraestrutura. No entanto, em um hospital, esse cuidado precisa ser redobrado, pois qualquer falha pode colocar em risco a vida dos pacientes e dos funcionários. Por isso, é fundamental fazer um bom gerenciamento de manutenção de equipamentos hospitalares.

Essa gestão deve incluir medidas preventivas e corretivas que monitoram o desempenho e evitam falhas nas máquinas e sistemas. Para tanto, é necessário fazer um bom planejamento e investir em tecnologia e treinamento. A seguir, veja como fazer esse gerenciamento de manutenção de equipamentos hospitalares na sua instituição.

Desenvolva um planejamento

A primeira coisa a fazer é um plano de manutenção focado na prevenção de ocorrências. A ideia é que cada equipamento passe por uma avaliação periódica, em rotação. Dessa forma, é possível assegurar que os serviços continuem sem ser interrompidos.

Além disso, é importante monitorar o funcionamento de todos os equipamentos, pois algum deles pode precisar de atenção antes da manutenção que está planejada. Para esse serviço, é necessário contar com profissionais especializados, que saibam se antecipar a diferentes problemas.

Faça manutenções preventivas

Um grande erro na manutenção de equipamentos hospitalares é atuar apenas de maneira corretiva. Ou seja, se concentrar no conserto das máquinas, o que pode ser bem mais caro e prejudicial para a rotina do hospital — que deixa de fazer os procedimentos enquanto cada equipamento está em manutenção.

Assim, o ideal é investir na prevenção, fazendo manutenções periódicas e programadas, organizando o fluxo de atendimento. Com isso, dá para planejar melhor os custos e evitar problemas maiores, como quebras e falhas no funcionamento.

Defina prioridades na manutenção

Uma medida importante é definir prioridades para a manutenção, uma vez que alguns equipamentos podem exigir mais atenção, tanto pelos riscos quanto pela alta demanda de uso. Logo, é bom dar preferência para a manutenção das máquinas mais usadas e para aquelas que já apresentam os primeiros sinais de desgaste no monitoramento.

Powered by Rock Convert

Inclusive, esse monitoramento é fundamental para entender quais são as prioridades. Por isso, faça uma coleta eficiente dos dados de uso, de vida útil, função, entre outros. O resultado ajuda a estabelecer prioridades e a melhorar o gerenciamento de manutenção de equipamentos hospitalares.

Capacite os colaboradores do hospital

No planejamento e durante as manutenções, é fundamental contar com o apoio de toda a equipe. Afinal de contas, o trabalho dos colaboradores vai ser impactado de alguma forma por essas atividades.

Dessa forma, é necessário investir em treinamentos, explicando como funcionam todos os procedimentos e o que fazer para adaptar a rotina a eles. Os funcionários também precisam ser conscientizados sobre o papel de cada um na conservação e na manutenção dos equipamentos.

Invista em tecnologia

A tecnologia é a grande aliada do gerenciamento de manutenção de equipamentos hospitalares. Isso porque alguns sistemas ajudam a programar melhor as manutenções preventivas, adequando o tempo entre elas de acordo com as características de cada máquina.

Algumas ferramentas também auxiliam no monitoramento, fornecendo relatórios detalhados sobre a utilização e o desgaste dos equipamentos. Sem contar as inúmeras tecnologias que facilitam a rotina dos hospitais, como a telemedicina, o prontuário eletrônico e os softwares de gestão, que ajudam a fazer com que sobre mais tempo para a análise e o acompanhamento preventivo.

O fato é que o gerenciamento de manutenção de equipamentos hospitalares é uma atividade essencial para o bom funcionamento de uma instituição de saúde. Por isso, é importante dedicar atenção a isso, sabendo investir na compra e no aluguel de máquinas e contando sempre com bons fornecedores.

Gostou de saber como fazer o gerenciamento de manutenção de equipamentos hospitalares? Quer conferir mais dicas como esta? Assine a nossa newsletter e não perca nenhuma novidade!

Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário